New to site?


Login

Lost password? (X)

Already have an account?


Signup

(X)

Como reduzir o teor de sódio em produtos lácteos mantendo sua qualidade sensorial e shelf life?

Como reduzir o teor de sódio em produtos lácteos mantendo sua qualidade sensorial e shelf life?

30
jul 2020

O sódio é um mineral essencial para o funcionamento das células. Na maioria das vezes, é encontrado em conjunto com o cloreto, compondo a molécula do cloreto de sódio (o famoso sal de cozinha), que possui, aproximadamente, 40% de sódio em sua composição. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o consumo diário de 5 mg de sódio para garantir sua funcionalidade no organismo. No entanto, o brasileiro consome cerca de 8 – 12 mg/dia, valores altos que podem causar diversos problemas à saúde, como doenças cardiovasculares e renais.

Diante dessa realidade e da necessidade de uma alimentação mais saudável, o Ministério da Saúde tem investido em campanhas de conscientização e, em conjunto com a Associação Brasileira das Indústrias de Alimentos (ABIA) desde 2007, realiza acordos para redução gradual do cloreto de sódio nos alimentos industrializados. O sódio também está contemplado na proposta em estudo sobre rotulagem frontal da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) como um dos componentes críticos que provavelmente deverá ser declarado em destaque, apresentando informações de quantidade presente. Esta medida tem sido avaliada como uma forma de tornar as informações mais claras ao consumidor e auxiliá-los na tomada de decisão no momento da compra de determinado alimento.

O queijo frescal possui, em média, 444mg/100g de sódio e o queijo muçarela, 573mg/100g, enquanto o parmesão chega a 1080mg/100g. Manteigas com sal, têm, em média, 660mg/100g de sódio. Alguns produtos, como é o caso do requeijão, contêm em sua formulação além do cloreto de sódio, outros ingredientes que aportam sódio e são fundamentais para o seu processo de fabricação: são os sais fundentes, que também contribuem para aumentar o teor de sódio, atingindo cerca de 500mg/100g no produto final.

O maior desafio para as indústrias de alimentos é o de reduzir o teor de sódio mantendo as características sensoriais e de qualidade, uma vez que, além do sabor, o sódio também possui outras funções tecnológicas, como a de conservação.

Alinhada às tendências e buscando desenvolver soluções saudáveis que atendam às necessidades do mercado, a Prozyn traz agora em seu portfólio o LOWSALT, um sal hipossódico, de fácil manuseio e aplicação, sem sabor residual e que possibilita a redução de até 50% do teor de sódio nos alimentos, garantindo a manutenção das suas características sensoriais e shelf life. LOWSALT pode ser usado em queijos, manteiga, requeijões, mas também em outros segmentos alimentícios, como a indústria de produtos cárneos, de panificação, entre outros.

E você? Em qual produto deseja reduzir o teor de sódio?

 

SOBRE A PROZYN

A Prozyn é uma das principais fornecedoras de ingredientes biológicos do país. Possui soluções sob medida para as necessidades específicas dos clientes, sempre baseadas na inovação, tecnologia e melhoria da qualidade de vida. Oferece uma linha completa de ingredientes para redução de custo, otimização de processo e melhoria da qualidade do seu produto.

Jéssica Sacchi Castilho – Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação

Giovana Sapiensa Morais Diz – Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação


Posts relacionados
2018 Prozyn. Todos os direitos reservados